Um cenário tão comum aos países da zona do euro – que, desde 2008, vêm enfrentando os duros impactos de uma crise financeira – passou, mais recentemente, a fazer parte da realidade dos países emergentes. Assim, Índia, China e Brasil, até recentemente vistos como economias altamente resilientes às repercussões mais graves da crise global, enfrentam, hoje, sérios desafios. Manifestando os sintomas desse quadro, o setor de serviços, peça-chave para a economia desses países, também vem sofrendo uma desestabilização nos últimos meses. O presente trabalho propõe-se, assim, a analisar comparativamente as alterações no desempenho do setor de serviços em Índia, Brasil e China nos meses recentes - procurando, ao mesmo tempo, relacionar esse fato ao contexto de crise atual.


Download

Voltar para publicações