Ver mais filtros


O BRICS-Urbe é um fórum dedicado ao acompanhamento de políticas públicas voltadas para o desenvolvimento urbano nas principais cidades dos países BRICS. Considerando que as grandes cidades dos BRICS são fontes importantes para a troca de experiências sobre desafios urbanos em comum, o projeto tem como objetivo fomentar debates sobre a formulação de políticas públicas inovadoras em nível municipal.

O BRICS-Urbe se estrutura em torno dos seguintes componentes:

• Base de dados de indicadores de desenvolvimento urbano;

• Monitores e Policy Papers identificando soluções e desafios comuns às cidades BRICS;

• Colóquios e Workshops para alimentação dos debates acerca de políticas urbanas nos BRICS;

• Programa de fellowship BRICS-Urbe.

Para aproveitar estas experiências, é necessário analisar, de forma comparada, tanto os problemas enfrentados quanto as soluções que vêm sido implantadas nos diversos contextos. O BRICS-Urbe visa, portanto, identificar e fomentar a cooperação entre os atores sociais nestas cidades, através, por exemplo, do compartilhamento de conhecimento adquirido na administração pública, da identificação dos fatores de competividade urbana que conferem vantagens econômicas a certos espaços urbanos, e da análise de modelos de sustentabilidade que poderiam ser adaptados em diversos contextos.

Apesar de cidades tais como o Rio de Janeiro, Moscou, Nova Déli, Shanghai e Joanesburgo estarem situadas em contextos geográficos e socioeconômicos bastante diferentes, elas estão todas inseridas em macrorregiões urbanizadas e caracterizadas por padrões complexos de prosperidade e desigualdade que são, pelo menos em parte, alimentadas pela integração destas cidades (e suas respectivas economias regionais e nacionais) na economia global. O projeto visa identificar e analisar os desafios produzidos pelo crescimento acelerado e as maneiras como os principais stakeholders (governos municipais e seus interlocutores, dentro e fora do setor público) vêm tratando de certas áreas temáticas de interesse estratégico. Estes stakeholders, que muitas vezes atuam não de forma isolada e sim através de parceiras horizontais (inter-setoriais) ou verticais (com outros níveis do estado), também serão o público alvo para a produção do projeto.

Temas iniciais:

• Transporte

• Poluição

• Youth Policy (empreendedorismo, capacitação e incentivos para a educação)

• Moradia

• Desenvolvimento de Regiões Portuárias

Confira abaixo as publicações do BRICS-Urbe.